22 de janeiro de 2017

Cada um é para o que nasce...


Sabe o que na vida verdadeiramente flui?

O que é espontâneo.

O que não precisa sobrecarregar-se de máscaras.

O que é intrínseco, que está na essência.

Nada que precisa ser forçado, imitado, copiado... terá êxito.

Isso é fato comprovado.

Se para firmar-se como alguém, você precisa impor-se a viver o mesmo modo de viver do outro, aos desejos do outro, à autenticidade do outro, às conquistas do outro... você sempre estará beirando o nada.

Seja o que se é, se importe com sua verdadeira essência, o que de fato o faz bem.

Cada um é para o que nasce, e viver em função do que os outros fazem e vivem, impossibilita que viva o mais sagrado da vida... que é viver!

Amanda R S Araujo

Nenhum comentário:

Você poderá gostar de...